Socialize
  • Tweet at Us
  • Like Us
  • Our Pinspiration
  • Behind the Scenes
  • Our Pictures
  • Fill Your Feed
Newsletter Signup
Add my email address to the selected mailing list(s):
MODELS / March 13 2011 1:07 PM

The 25 Greatest Supermodels of the Past 50 Years: The 90s and 00s

Edited by

The 90s began with the biggest names in the business and then they were all but wiped out when 15 year old Kate Moss slouched onto the scene. Like Twiggy, Jean Shrimpton and Penelope Tree (who bears a striking resemblance to Kate) before her, Kate ushered in a new body image for women to aspire to. That image was the definitive shape for the past two decades and only now are we seeing curves reappear on the runway and in advertising. We’re parking this model mobile in the here and now!

Read the rest…
CELEBRITY, EDITORIALS / February 8 2011 9:40 AM

Mila Kunis in Couture and on Comedy

Edited by

I’m just gonna say it, I love Mila Kunis. Besides the fact that this happened, she’s really been turning it up and out on the red carpet as of late. Now in Los Angeles Times Magazine she gets a sultry photoshoot lensed by Ruven Afanador and styled by Hayley Atkin. Not only is she gorgeous, talented and pint-sized, but she also loves the comedy. I really need to behag* her ASAP.

Mila Kunis in Couture and on Comedy

Read the rest…
BACKSTAGE / August 31 2010 10:01 AM

as tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy

Edited by

Link Love:as tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy
Esse vai ser um post sem fotos porque depois do overload de ontem tô dando um tempo pro servidor se recuperar psicológicamente! Mentirinha, mas é só porque esse é um post pequenininho, sem necessidade de muita ilustração – e os outros posts do Emmy estão recheados de fotos!

Coisas que notei nas roupas femininas: Acho que Hollywood não está sabendo lidar direito com a crise e muitas celebridades (leia-se seus stylists e agentes) ficaram na dúvida entre ir no “glamour total” ou ser “simpatizante” com o resto da nação. O resultado foi interessante e apareceu através de três diferentes versões de vestido: os “cheguei”, os minimalistas e os vestidos “para gente normal”.

  • Os “cheguei” (que, na maioria das vezes, não tem nada de cafona) eram os vestidos intricados, com uma quantidade razoavelmente grande de informação. Bordados, brilho, rendas… qualquer fosse o material, dava pra ver que ele era rico e com bastante informação. 
  • Já os minimalistas contrastavam – e se destacavam – pela sua falta de detalhes, deixando o foco principal para o corte e o caimento do vestido. Alguns podem achar que são vestidos “pobres”, mas são vestidos ricos em informação – ela só é sutil e discreta. Além disso, são vestidos dificílimos de serem feitos porque seu corte tem que ser impecável e a escolha do material é quase sempre um desafio.
  • E os vestidos “para gente normal” foram eleitos pela maioria das mulheres no Emmy. São vestidos que no tapete vermelho não se destacam; não são feios muito menos “erros”, mas tampouco são os showstoppers que se espera de uma cerimônia de premiação. Poderiam ser confundidos com “minimalismo”, mas não são. Muitos deles tem informações como babados, rendas ou brilho, mas em quantidades menores ou de forma mais discreta. Foi um Emmy “chato” pra quem viu o tapete vermelho, mas um Emmy bem rico em informação para quem trabalha com roupa de festa.

Coisas que notei nas maquiagens/cabelos:

  • o calor deveria estar infernal em Los Angeles, porque muito poucas celebridades escolheram ir com seus cabelos soltos – algo que estava acontecendo bastante em red carpets anteriores. O problema é que quase todo mundo resolveu usar o mesmo estilo de coque – aquele preso de forma soltinha, com muito laquê pra segurar e alguns fios correndo pelos lados (em algumas). 
  • A maquiagem também foi unanimidade e a escolha foi o minimalismo. 11 entre 10 celebridades escolheram a “falta de maquiagem” como a maquiagem da noite, salvo raras exceções que deram um enfoque maior (porém pequeno) nos olhos ou na boca. Batons escolhidos para esse feito foram os vermelhos (destaque para o vermelho alaranjado de Maria Menounos) e rosa pink (destaque para o de Lo Bosworth).
  • influência anos 60: tem alguma coisa no ar meio anos 60. Vi alguns olhos marcados com delineador, essa coisa de usar batom nude que já vem de algumas estações… mas o que me chamou mais a atenção foram os cabelos de Tina Fey, Julie Bowen, Paula Abdul, Edie Falco, Jayma Mays, Lo Bosworth e Stephanie Pratt. Todos super armados com Bump it e exalando uma vibe retrô-60s. Alguns mais, outros menos, mas todos definitivamentes com a influência!

Depois que fizer o post sobre os meninos escrevo o que achei das tendências deles.

Acesse nosso blog pra ficar por dentro de tudo que acontece no mundo da moda!

http://trendmenu.blogspot.comas tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy

as tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy as tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy as tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy as tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy as tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy as tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy as tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy as tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy

as tendências femininas saídas do tapete vermelho do Emmy

Read the rest…
FASHION / September 25 2008 11:00 PM

Before They Had Stylists: Christina Applegate

Edited by

Before:

Before They Had Stylists: Christina Applegate

After:

Before They Had Stylists: Christina Applegate

Thank God for stylists or else Christina Applegate would have gone from Married With Children to Single With a Restraining Order. Sex hair is always appreciated but not when paired with torn mom jeans and endangered animals. Give her 20 years and a lucrative career and now the cancer-free, Emmy Award winner is looking glamourous as ever!

 

 

Thanks for the photos Contact Music!

Read the rest…